UEL tem mais uma patente concedida pelo INPI

0

O Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) concedeu hoje (14/04/2020), mais uma patente à Universidade Estadual de Londrina (UEL).

A patente se refere a um Processo de Silagem Ácida de Frango, tendo como proposta a obtenção de silagem a partir de carcaças inteiras de frangos,  trituradas, tratadas com ácidos. As carcaças são provenientes da mortalidade das aves por causas naturais durante o processo de engorda.

O descarte de carcaças é um dos maiores problemas enfrentados pelos produtores de frangos, que lida com taxas de perdas por mortalidade de até 5% do plantel. Esse descarte, implica em grandes gastos, além do risco de contaminação do solo e lençol freático. Diante disso, a produção de silagem de frango tem um grande potencial econômico e ambiental, pois retorna para a alimentação de animais monogástricos (aves, peixes, suínos e outros).

Foto: COM/UEL

 

Compartilhe.

Deixe Uma Resposta