Pela primeira vez, brasileiro ganha prêmio máximo da matemática

0
Crédito foto: Leonardo Pessanha/Ascom do Impa

O matemático Artur Avila, de 35 anos, é o primeiro brasileiro vencedor da Medalha Fields, considerada o Prêmio Nobel da área de matemática. Ele foi anunciado como um dos quatro escolhidos nesta edição pela União Internacional de Matemática (IMU, na sigla em inglês) e recebeu a distinção durante o Congresso Internacional de Matemáticos, em Seul, na Coreia do Sul.

"É motivo de orgulho para a ciência brasileira o fato de o professor Artur Avila receber a Medalha Fields, o mais importante e prestigioso reconhecimento mundial da área da matemática", comentou o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Clelio Campolina Diniz. "Parabenizo o professor Avila e o Impa [Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada] por essa conquista, que testemunha o avanço da ciência brasileira e que, certamente, terá grande impacto no ensino e na pesquisa na disciplina da matemática."

Além de pesquisador extraordinário do instituto, o matemático é diretor de pesquisa no Centro Nacional de Pesquisa Científica (CNRS, na sigla em francês) da França, país no qual também tem cidadania.

Na sua justificativa para o prêmio, o comitê da IMU afirma que "Artur Avila fez notáveis contribuições no campo dos sistemas dinâmicos, análise e outras áreas, em muitos casos provando resultados decisivos que resolveram problemas há muito tempo em aberto". Segundo o texto, os feitos do cientista "são muitos e abrangem uma ampla gama de tópicos" e sua obra combina a cultura e a tradição matemáticas do Brasil e do país europeu.

A justificativa do comitê também lembra que quase todo o trabalho do cientista envolveu colaboração com cerca de 30 matemáticos de todo o mundo. "Para essas colaborações, Avila traz um formidável poder técnico, a engenhosidade e tenacidade de um mestre em resolver problemas e um infalível senso para questões profundas e significativas". Os integrantes concluem que "com sua combinação de tremendo poder analítico e profunda intuição sobre sistemas dinâmicos, Artur Avila certamente continuará um líder na matemática ainda por muitos anos".

Fonte: MCTI
Compartilhe.

Deixe Uma Resposta