Para micro e pequenas empresas, planejamento é fundamental na hora de declarar IR

0

A temporada do Imposto de Renda de 2018 começou no dia 1º e as micro e pequenas empresas também precisam se planejar para não perderem o prazo da declaração, que termina no dia 30 de abril.
Quem dá a dica é Analita Soto, sócia da Personality Contabilidade. “A declaração do Imposto de Renda deve ser planejada no inicio do ano, ou seja, em janeiro de 2018 é preciso iniciar o planejamento de 2019. Assim, o risco de pagar impostos desnecessários é eliminado”, explica. 

A Personality, que está incubada na Intuel – Incubadora Internacional de Empresas de Base Tecnológica da Universidade Estadual de Londrina  – tem foco na área de contabilidade e gestão das micro e pequenas empresas. “Nosso projeto como startup foi iniciado justamente por sabermos da importância do planejamento nesse tipo de empresa”, conta a empreendedora.

Quem deve declarar

Analita explica que somente o fato de ser empresário não obriga a realização da declaração do imposto de renda. O empreendedor precisa se atentar às seguintes situações:

- Pró-labore do sócio com valor anual igual ou superior a R$ 28.559,70
- Distribuição de lucros para sócios (rendimentos isentos): pessoa física que recebeu rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40 mil.

Segundo a contadora, é importante analisar as retiradas ou aporte de dinheiro realizado pelo sócio/investidor na hora de declarar o IR. “Imagine uma situação onde o aporte para certo projeto foi de R$ 100 mil e não há comprovação da origem desse valor que foi investido. Entende-se que esse capital saiu de uma pessoa física que precisa estar regular com sua declaração de Imposto de Renda”, esclarece.

Para os sócios que possuem rendas tributáveis, a dica de Analita é ter em mãos o máximo de despesas que possibilitam a dedução do Imposto de Renda, como despesas médicas, exames laboratoriais, despesas com instrução dos sócios e dependentes, pensão alimentícia, dependentes… “E, para aqueles que ainda não sabem quanto realmente investiram na empresa ou quanto retiraram de dinheiro da empresa, é importante realizar esse levantamento para uma declaração correta”, continua. 

Personality Contabilidade

A Personality  Contabilidade  é  uma  fintech voltada para área de contabilidade e gestão das micro e pequenas empresas no Brasil e no Chile. A empresa trabalha para facilitar o dia-a-dia do pequeno empresário, automatizando processos para que cumpram as obrigações legais e de gestão de seus negócios, reduzindo custos, tempo e permitindo que se dediquem a fazer o que realmente amam.

Intuel

A Intuel faz parte da Agência de Inovação da UEL e tem como objetivo oferecer suporte para o desenvolvimento de empresas com potencial tecnológico. Além de estrutura física, a incubadora oferece cursos em áreas específicas, como gestão, financeiro e mercado. Atualmente ela conta com 15 empresas incubadas. Mais informações em: www.intuel.com.br.

Mariana Paschoal – assessoria de imprensa

Compartilhe.

Deixe Uma Resposta