Finep e BNDES abrem processo de consulta a parceiros e potenciais clientes para o Edital PADIQ

0

O Acordo de Cooperação firmado entre a Finep e o BNDES prevê uma consulta a parceiros e potenciais clientes empresariais e/ou acadêmicos, a ser realizada antes do lançamento do edital definitivo do Plano de Desenvolvimento e Inovação da Indústria Quimica( PADIQ), permitindo a coleta de opiniões que possibilite contribuir para o sucesso do programa.

O PADIQ é uma iniciativa conjunta do BNDES e da Finep que visa o fomento a projetos que contemplem o desenvolvimento tecnológico e o investimento na fabricação de produtos químicos. 

Com total de recursos estimado em R$ 2,2 bilhões para as operações contratadas no período de 2016 a 2017, o PADIQ vai coordenar as ações de fomento à inovação e investimentos produtivos, integrando os instrumentos de apoio disponíveis para o financiamento de projetos para a Indústria Química no país.

O primeiro edital do PADIQ será voltado para os seguintes segmentos: aditivos para alimentação animal, derivados do silício, fibras de carbono e seus compósitos, produtos para exploração e produção de petróleo, insumos químicos para higiene pessoal, perfumaria e cosméticos (HPPC) e produtos químicos de fontes renováveis de matérias-primas.

Para saber mais sobre o PADIQ e seus parceiros clique aqui.

Regras para a consulta

As contribuições devem se limitar a críticas, sugestões e aprimoramentos das linhas temáticas e prazos descritos neste documento;
Somente serão consideradas as contribuições que tenham sido enviadas pelo portal disponibilizado no site da Finep. Não serão aceitas ou respondidas as mensagens ou comunicações por telefone, e-mail, carta ou qualquer outro meio além do portal disponibilizado;
Somente serão consideradas as contribuições que estejam vinculadas ao cadastro prévio completo, disponível no site da consulta pública, da pessoa ou empresa que formulam a questão;
Para o caso de críticas ou sugestões às linhas temáticas, somente serão consideradas as contribuições devidamente fundamentadas em informações como: tamanho e crescimento do mercado local, impacto na balança comercial, disponibilidade de fatores de produção e domínio de tecnologias, além de outras que o autor considere pertinente;
Os questionamentos e as respostas poderão ser divulgados publicamente, a critério da Finep /BNDES, com a identificação do nome da pessoa e da instituição formuladora da consulta;
Esta consulta não vinculará a Finep e o BNDES ao compromisso de lançamento de edital e/ou manter os temas pré-selecionados;
As instituições se reservam o direito de alterar os temas e subtemas disponibilizados, assim como as etapas e prazos descritos neste documento;
A última data para envio das contribuições será o dia 17/09/2015.

Para incluir suas contribuições, clique aqui.

Fonte: Finep
Compartilhe.

Deixe Uma Resposta